Outras produções

Acesso aberto a outras produções publicadas pelos integrantes do LaboMídia em 2008.

Documentos

Ordenar por : Nome | Data | Acessos | [ Descendente ]

OBSERVATÓRIO DA MÍDIA ESPORTIVA OBSERVATÓRIO DA MÍDIA ESPORTIVA

hot!
Adicionado em: 22/05/2012
Date modified: 22/05/2012
Tamanho: 942.34 kB
Downloads: 1890

PIRES, Giovani De Lorenzi (org.) et al. Observatório da Mídia Esportiva: a cobertura jornalística dos jogos abertos de Santa Catarina. Florianópolis: Nova Letra, 2008.

RESUMO

A presente publicação é uma versão adaptada do relatório da pesquisa “Observatório da mídia esportiva: acompanhamento e análise da cobertura jornalística do esporte e do lazer na mídia catarinense”, desenvolvida entre 2007 e 2008 pelos pesquisadores do Grupo de Estudos Observatório da Mídia Esportiva/UFSC, com apoio financeiro da Rede CEDES, da Secretaria Nacional de Desenvolvimento do Esporte e Lazer do Ministério do Esporte, obtido por seleção em chamada pública/edital daquela Secretaria. A pesquisa teve como foco a cobertura jornalística da etapa final da 47ª edição dos Jogos Abertos de Santa Catarina (Jaraguá do Sul, novembro de 2007) realizada por parte de veículos de mídia do Estado.

"PRESS START": POSSIVILIDADES EDUCATIVAS DOS JOGOS ELETRÔNICOS. "PRESS START": POSSIVILIDADES EDUCATIVAS DOS JOGOS ELETRÔNICOS.

hot!
Adicionado em: 22/05/2012
Date modified: 22/05/2012
Tamanho: 159.97 kB
Downloads: 2027

AZEVEDO, Victor. “Press Start”: possibilidades educativas dos jogos eletrônicos. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Educação Física). Florianópolis: UFSC, Centro de Desportos, 26/11/2008.

RESUMO

Nesta monografia de conclusão do curso de licenciatura plena em Educação Física, temos como perguntas de partida: como o fenômeno dos jogos eletrônicos (JE’s) é compreendido pelos pesquisadores das áreas da Educação e da Educação Física brasileira? E, a partir dessa questão, quais são as possibilidades educativas dos JE’s percebidas nestas áreas? Como resultado de nossa pesquisa, podemos dizer que os textos analisados têm enfoque amplo sobre o tema, porém pouco aprofundando as diversas questões por eles levantadas. Os autores apontam que os JE's veiculam diversos valores e podem desenvolver várias habilidades e conhecimentos em seus jogadores, podendo ser utilizados como proposta educativa com a mediação dos professores nas escolas. No entanto, diversas barreiras, como a formação inicial e continuada dos professores que não problematiza os JE’s, e os recursos tecnológicos escassos existentes nas escolas, deverão ser vencidas para a inserção destes jogos como proposta educativa.