Textos completos publicados em anais de eventos

Acesso aberto aos Textos publicados pelos integrantes do LaboMídia em 2012.

Documentos

Ordenar por : Nome | Data | Acessos [ Ascendente ]

A CONCEPÇÃO DE SAÚDE NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE EDUCAÇÃO FÍSICA A PARTIR DE UM ESTUDO DE CASO. A CONCEPÇÃO DE SAÚDE NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE EDUCAÇÃO FÍSICA A PARTIR DE UM ESTUDO DE CASO.

hot!
Adicionado em: 21/09/2012
Date modified: 21/09/2012
Tamanho: 259.01 kB
Downloads: 2341

BIANCHI, Paula. A CONCEPÇÃO DE SAÚDE NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE EDUCAÇÃO FÍSICA A PARTIR DE UM ESTUDO DE CASO. In: CONGRESSO INTERNACIONAL DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL EM EDUCAÇÃO FÍSICA, 2., 2012, Florianópolis. Anais... Florianópolis: UDESC, 2012. v. 1, p. 1541 - 1551. CD-ROM.

RESUMO

Inicialmente, reconhecemos que o currículo não se trata de algo estanque ou terminado, mas refere-se a um caminho e/ou trajetória que está em constante transformação provocada pelos diferentes elementos que agem sobre o currículo, entre os quais podemos destacar: concepções (de mundo/sociedade, de ser humano, de educação), ideologias, metodologias de trabalho, recursos materiais e infraestrutura e as pessoas que fazem parte da construção desse currículo. Além dessas influências, outro aspecto importante a ser considerado é o momento histórico-político em que o currículo se desenvolve, pois o mesmo interfere diretamente sobre a organização curricular.

LA EDUCACIÓN FÍSICA BRASILERA Y LAS TECNOLOGÍAS DE LA INFORMACIÓN Y COMUNICACIÓN LA EDUCACIÓN FÍSICA BRASILERA Y LAS TECNOLOGÍAS DE LA INFORMACIÓN Y COMUNICACIÓN

hot!
Adicionado em: 09/05/2012
Date modified: 09/05/2012
Tamanho: 303.81 kB
Downloads: 1341

GONÇALVES, Fernandoet al. La Educación Física Brasilera y las Tecnologías de la Información y Comunicación: reflexiones a partir del LaboMídia/UFSC.  III Congrés Europeu de Tecnologies de la Informació en l'Educació i en la Societat: una visió crítica. Barcelona, 1, 2 i 3 de febrer de 2012. (ISBN 978-84-615-7734-7)

La llegada tardía de la pos-graduación en Educación Física en Brasil (FENSTERSEIFER, 2001) no imposibilito que el campo de conocimiento buscara inserirse en el universo académico- científico, en el cual viene ampliando y diversificando sus relaciones con los varios campos de la ciencia y tecnología, como es el caso de las Tecnologías de la Información y Comunicación (TICs). Se percibe el creciente interés por la documentación deportiva y por el rescate y registro de la memoria del área, asociadamente a la garantía de acceso a estos conocimientos. Se puede observar, desde ya algún tiempo, la acción de instituciones de la Educación Física brasilera, entre las cuales: SIBRADID[1], CEV[2], CONBIDE[3] e CEME[4] (Pires, 2010).

DIÁLOGOS PARA A CONSTITUIÇÃO DA SOCIOLOGIA DO ESPORTE DIÁLOGOS PARA A CONSTITUIÇÃO DA SOCIOLOGIA DO ESPORTE

hot!
Adicionado em: 09/05/2012
Date modified: 27/11/2012
Tamanho: 455.71 kB
Downloads: 3643

JESUS, Janaína Rodrigues de; ARAGÃO, Paula. Diálogos para a constituição da sociologia do esporte. In: IX SEMANA DA EDUCAÇÃO FISICA DA UFS, 2012, São Cristóvão/SE. Anais..., 9, Universidade Federal de Sergipe/UFS, 10 a 13 abril 2012, (cd-rom).

RESUMO

Este trabalho trata-se de uma breve revisão bibliográfica daqueles que contribuíram com a consolidação dos estudos em Sociologia do Esporte no Brasil, apontando alguns fatores preponderantes para o desenvolvimento dessa área bem com suas áreas temáticas tendo como base principal a obra de Valter Bracht, Sociologia Crítica do Esporte: uma introdução, voltada para uma discussão com a área da Educação Física. Considerando o esporte como um dos fenômenos mais expressivos do século passado sendo que, “o esporte carrega na sua essência a emoção, como um dos componentes integrantes desses fenômenos modernos.” (SERVULO, 2012). Para uma abordagem consideramos as contribuições e criticas referentes á teorias modernas e contemporâneas tais como: a frankfurtiana, coisificação (alienação) e repressão e manipulação e suas considerações; do marxismo ortodoxo utilizamos a tese da reprodução da força de trabalho “o esporte nesta perspectiva de analise é considerado na verdade, como um dos componentes do tempo livre ou do lazer, abrangendo a problemática mais ampla da relação trabalho lazer” (BRACHT, 2005, p. 57) entre outros.

BREVE DESCRIÇÃO SOBRE ESPAÇO DE LAZER BREVE DESCRIÇÃO SOBRE ESPAÇO DE LAZER

hot!
Adicionado em: 09/05/2012
Date modified: 27/11/2012
Tamanho: 439.66 kB
Downloads: 2300

ARAGÃO, Paula. Breve descrição sobre espaço de lazer e modos de fazer a partir de observação flutuante. In: IX SEMANA DA EDUCAÇÃO FISICA DA UFS, 2012, São Cristóvão/SE. Anais..., 9, Universidade Federal de Sergipe/UFS, 10 a 13 abril 2012, (cd-rom).

RESUMO

A interação entre disciplinas e cursos distintos no âmbito acadêmico aparece como um diferencial no contorno da formação dos profissionais que se aventuram por veredas um tanto distantes da sua linha cotidiana de pesquisa. Em torno dessa discussão trago aqui um diálogo entre figuras de estudos antropológicos, uma aproximação entre esta e a área da Educação Física para dialogar sobre o espaço/lugar de lazer e as maneiras como as pessoas inventam o seu cotidiano. Neste caso, serão utilizadas informações referentes ao Complexo de Lazer Orla de Atalaia na cidade Aracaju- SE, mas precisamente do Complexo de Esportes Radicais – uma dos equipamentos com compõe o Complexo da Orla-, no qual encontramos o Skatepark Cara de Sapo.

 O CORPO FEMININO E O ENVENENAMENTO CULTURAL O CORPO FEMININO E O ENVENENAMENTO CULTURAL

hot!
Adicionado em: 09/05/2012
Date modified: 27/11/2012
Tamanho: 434.63 kB
Downloads: 2758

SANTOS, Tiago de Brito Ferreira; ZOBOLI, Fábio. O corpo feminino e o envenenamento cultural: as obsessões na busca do padrão de beleza feminino como foco de análise. In: IX SEMANA DA EDUCAÇÃO FISICA DA UFS, 2012, São Cristóvão/SE. Anais..., 9, Universidade Federal de Sergipe/UFS, 10 a 13 abril 2012, (cd-rom).

 RESUMO

O corpo analisado sob o viés do masculino e do feminino transcende a sua dimensão biológica. A simples observação dos órgãos externos no ultrassom de uma gestante já vai apontar a identidade sexual – enquanto corpo biológico – da criança analisada. No entanto, sabe-se que para se tornar homem ou mulher não basta possuir as genitálias de um ou de outro e as demais característica biológicas desse corpo físico, para se tornar homem ou mulher faz-se necessário também se apropriar de padrões/significados/comportamentos considerados adequados ao masculino e ao feminino.